terça-feira, 4 de agosto de 2015

Dicas de viagem: Chile


Com um pouco de atraso vou mostrar aqui alguns lugares que visitei na minha viagem ao Chile e dar algumas dicas pra vocês. Eu fui em junho, no final do Outono, não fiz nada que depende de alguma estação específica então as dicas valem pra qualquer época - exceto algumas observações que farei depois. Vamos lá? ;)


Bem, eu fiquei hospedada no centro de Santiago (com amigos, então não poderei recomendar hotéis na cidade). Santiago é uma cidade belíssima, apesar na poluição, principalmente no outono, o pôr do sol é um espetáculo todos os dias, não importa onde você esteja.



Vamos falar primeiro das casas de Neruda? São 3: La Chascona (Santiago)La Sebastiana (Valparaiso) e a Casa Museo (Isla Negra). Se estiver em Santiago é imperdível visitar a La Chascona, porém nem todos os móveis são originais já que a casa de Neruda foi invadida durante o golpe militar e muito se perdeu mas é uma linda casa cheia de história. Como passei rápido por Valparaíso não cheguei a visitar o interior da casa de lá, mas sem dúvida nenhuma se puder planejar vá a Isla Negra, a mais linda das casas, com todos os móveis originais, as coleções de máscaras, charutos e carrancas de Neruda. Um lugar incrível e cheio de histórias!




Não deixe de passear de bicicleta, ao menos um dia, passeamos em Providencia e comemos na Fábrica de Empanadas e por mais que pareça simples, foi um dos momentos mais legais da viagem. Neste dia passeamos a pé pela Avenida Italia e encontramos o Rende Bu que obviamente fiquei apaixonada porque é um café cheio de gatinhos lindos que ficam dormindo e brincando entre os clientes *-*





Em Yungay almocei no Boulevard Lavaud (eu amo culinária francesa, gente) e fiquei apaixonada pelo restaurante. Tudo que é usado na decoração pode ser comprado então nada combina com nada e ao mesmo tempo forma um conjunto lindo de objetos vintage. Ao lado, tem a tradicional Peluquería Francesa e eu cortei meu cabelo lá com um senhor muito simpático que aparentemente corta cabelos lá há mil anos kkk Outro lugar que eu comia um doce atrás do outro é o Le Fournil, também francês, eu já comia direto a sobremesa rs



Museo Nacional de Bellas Artes fica próximo ao de Arte Contemporânea então vale visitar os dois (não vou falar das exposições porque o post já está bem longo e elas mudam então não faz diferença). Saindo de lá, visite o El Castillito del Parque Forestal, eu só comi doces lá, eles tem culinária francesa mas com toque chileno, ou seja, tem avocado delícia em vários doces. A vista é linda, fomos ao entardecer que é a luz mais bonita de Santiago. Bem pertinho conheci a Daniela Bozza, uma estilista local que tem uma coleção toda retrô, a loja tem uma decoração super fofa, Audrey Hepburn seria cliente dela com certeza kkk Comprei um vestido dela que eu amo. Ah, procure também o Caffe da Lucía tem aparentemente o melhor chocolate quente de Santiago, anote! Quando eu fui, o Museo de la Moda estava fechado para manutenção, uma pena, mas quem for não pode deixar de visitar este que é um dos principais museus de moda do mundo e o único da América Latina, dá pra se programar pelo site.






 Visitamos a vinícola Concha y Toro, que é muito fácil de chegar e tem vários vinhos ótimos. Fizemos o tour, o lugar é lindo, depois compramos vinhos e fomos a San Jose del Maipo, almoçamos na Casa Bosque, um restaurante bizarro onde tudo é decorado como um jardim de gnomos rs - no Instagram postei algumas fotos na hashtag #NayEnChile

Minha balada preferida da vida foi o Blondie com certeza, a festa que fomos era de indie rock, com uma sala especial de boy band dos anos 90 e comemorando o aniversário de Kylie Minogue. QUE MISTURA! kkk Eu amei, claro. Antes fomos ao La Otra Puerta que recomendo porque foi onde escutei várias músicas de cantores mais populares no Chile - não sei se é sempre mas no dia foi assim.




cerro Santa Lucía oferece uma bela vista de Santiago, é muito acessível então vale a visita. Também adorei comer no El Ají Seco Místico, é bem simples mas tem culinária tradicional peruana, uma delícia e: vá com fome! Os pratos são enormes e uma delícia, você não vai querer deixar sobrar nada. Ah, uma coisa que eu AMO no Chile é que tudo tem avocado, até o cachorro-quente! Eu queria comer cachorro-quente todo dia por isso kkk




Na Avenida Italia, também há várias lojas de móveis e roupas, não são os melhores preços mas há muita coisa bonita. Em Providencia há vários mercados, muitos sebos e se eu não me controlasse teria comprado uns 50 livros lá. SÉRIO. Em Lastarria encontrei uma das livrarias mais lindas que eu já vi, é pequena porém muito charmosa, com espelhos até o teto então é uma delícia estar tão cercada por livros. Também bom para passeios a pé é o Barrio Bellavista mas meu parque preferido é o Quinta Normal, não sei bem dizer porque mas sempre que passava por lá (tem uma estação de metrô próximo) eu queria parar e tirar fotos, muito agradável e lindo.


Em Pucón ficamos hospedados no Elementos Hostel, é um lugar bem simples mas super gostoso, o quarto limpinho, com aquecimento, eles fazem café da manhã e você pode cozinhar a hora que quiser também. E eu adorei toda a preocupação ecológica que eles tem então esse é o principal fator que me leva a recomendá-los. A chuva nos pegou desprevenidos, realmente não olhamos a previsão antes de ir pra lá (em Santiago fez sol todos os dias) então acabamos gastando muito em roupas impermeáveis lá, a cidade é pequena então não há muitas opções. Tomava café todos os dias no Café de la P, muito agradável (sempre tocava música brasileira kkk) e muita coisa gostosa inclusive chocolates de produção local. Logo em frente tem o Oma's Cafe, que não achei tão gostoso mas tem um ambiente rústico que é uma delícia. Pucon é bem pequeno então em um dia da pra conhecer tudo andando rs. São várias agências de turismo no centro da cidade então vale se informar sobre os passeios, eu não sou muito aventureira então fiquei só vendo paisagens mesmo kkk a única aventura que eu queria era subir o vulcão Villarica (a cidade é muito procurada por isso) mas como ele tinha entrado em erupção há pouco tempo e ainda estava com sinal amarelo o passeio estava interrompido. Com certeza ainda voltarei lá para isso! Visitamos as termas Quimey-Co, muito lindo e como na época estava bem frio em Pucon, foi uma delícia ficar nas águas quentinhas de lá.











No último dia em Santiago fomos de carro até Isla Negra, passamos rapidinho por Valparaíso (não gostei muito, gente, mas eu sou estranha, não gosto de praia, sol e calor kkk) mas eu amei os gatos super simpáticos e carinhosos  que você encontra em quase todas as ruas. Para terminar o dia, fomos ver o por do sol em Viña Del Mar, uma das coisas mais lindas que já vi em toda a minha vida!











 Eu amei visitar a cidade no outono, mas a cada dia a temperatura caia um pouco (já era quase inverno) então para quem não gosta do frio, dizem que a Primavera por lá também é belíssima.




E aí, será que dei alguma dica legal? kkk Eu não costumava fazer post de viagens mas achei ótimo porque é também um jeito de eu lembrar das coisas, vou começar a fazer mais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...