terça-feira, 17 de setembro de 2013

Moda: da concepção à coleção

Talvez esse título esteja um pouco pretensioso, mas este post será o primeiro (assim espero) de mais análises sobre campanhas, desfiles, editoriais, mas sem ser de forma muito didática.

Como publicitária e produtora de moda (com formação e alguma experiência) quero falar sobre a minha visão de algumas campanhas que eu gosto, ou do que não gostei e porquê.

Escolhi a Ellus 2nd Floor por uma simples coincidência: folheando a Elle Setembro vi um anúncio e imediatamente lembrei do desfile na última edição do Fashion Rio. Com isso, parei para pensar em quantas marcas (grandes e pequenas, nacionais ou não, etc) têm feito campanhas, editoriais, desfiles e muitas vezes você olha a vitrine e está de um jeito, o site de outro, redes sociais desatualizadas, campanha anterior no PDV (ponto de vendas), entre outras coisas. Sem falar de marcas menores que chamam qualquer conjunto de fotos de editorial, sem saber a diferença entre campanha, lookbook, editorial e uma sessão de fotos.





Isso é muito ruim para a marca, ainda mais quando vivemos em um mundo onde somos bombardeados por informações e propagandas de "surpresa" - quando você abre um vídeo no youtube, por exemplo. Se manter na cabeça do consumidor por um estilo é muito difícil, é caro e dá MUITO trabalho, principalmente quando envolve mais de uma empresa para fazer cada parte desse processo, o que geralmente acontece, é claro. Mas a identidade da marca é um fator importantíssimo para o seu sucesso, e poucas marcas dão a devida importância a isso.
Então vamos a uma pequena introdução de como tudo pode ser alinhado para que a parte publicitária e o tema da coleção se complementem em todos os canais que a marca se comunica com o seu cliente:

Ellus 2nd Floor apresentou a coleção Verão 2014 na última edição do Fashion Rio inspirada na década de 60 e em Roy Lichtenstein.
Os modelos apresentados faziam referência à geometria, preto e branco e, mais para o final do desfile, tons cítricos - sempre apostando em poás em tamanhos pequenos, maxi ou sobreposições.


Outra estampa destaque na coleção é a "farmácia" que é a figura de prateleiras com remédios e garrafinhas.



Esta "farmácia" foi usada para compor o cenário com cerca de 4 mil frascos coloridos, que gerou um efeito muito bonito na passarela.


Aqui o anúncio para revista, fazendo referência ao convite do desfile - também com os furinhos do efeito poá e a estampa de garrafinhas (com efeito desfocado) na parte interna.


No site, looks do desfile com os maxi poás em um design bem clean.















O catálogo da marca também faz referência às formas geométricas apresentadas na coleção.


Como eu disse, essa foi a primeira parte, se alguém tiver sugestão de alguma marca, no próximo post pretendo focar apenas na coleção e catálogo/campanha.


Imagens: Agencia Fotosite e Ellus 2nd Floor
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...