segunda-feira, 4 de abril de 2011

Bailarinas das ruas

Se você não aguenta mais ouvir falar em bailarinas, me desculpe, por que depois que o estilo delas invadiu as ruas, está difícil devolve-las aos palcos.







Boa parte da culpa por essa invasão a gente pode colocar no filme “Cisne Negro”, em que Natalie Portman ganhou o Oscar pelo papel da bailarina Nina.



Fora do cinema, muitas referências também.

Vogue China - Princess of Ballet


Kate Moss para a Vogue Nippon


Arizona Muse na edição de abril da Vogue China




O desfile de alta costura da Chanel com saias rodadas e em tons pastéis e rosa bebê.



No Brasil, teve a Maria Bonita Extra e a New Order com sapatilhas, bodies, tule e faixas no cabelo.





Lembram da campanha da Vivara, no ano passado, em que a Grazi Massafera interpretava uma bailarina?



Enfim, as inspirações e referências são muitas. Quer aderir ao estilo?

Eu já tinha falado aqui sobre as sapatilhas da Adidas. Então, vamos começar pelo clássico: sapatilhas


Audrey Hepburn era fã - olhando a foto dá pra entender porquê né? - e Brigitte Bardot popularizou as da grife Repetto, que vende artigos específicos para balé e também as sapatilhas que, depois de Brigitte aparecer usando em seus filmes, viraram objeto de desejo.


Carla Bruni e Kate Moss são adeptas das Repetto e estão sempre impecáveis.


Make em tons naturais. Aquele acordei-e-saí-assim-porque-sou-linda. (Bem no estilo Burberry)


Coques no cabelo (naqueles dias que o cabelo está revoltado: faz a bailarina!)


laços


headbands, faixas (Dica: passa lá no Money Honey!)


vestidinhos justos e tule


mais tule! renda! sandálias com lacinhos! (A Melissa disco voltou reeditada \o/)


tons pastéis, muito cor de rosa e SAPATILHAS!


Pronto! Acho que já temos muitas referências pra se jogar nesse mundo cor de rosa, de tules e laços aderir ao estilo bailarina. E (sempre bom lembrar) NÃO É TUDO AO MESMO TEMPO! - a não ser que você seja mesmo uma bailarina (:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...